Eddie Stern e o Brooklyn Yoga Club

eddie

Exceto por algumas luzes de árvore de natal penduradas no teto e nas paredes, o shala às 5:30 da manhã, quando cheguei para praticar, estava escuro. Com o nascer do sol, as aberturas de vidro no teto vão aos poucos clareando o ambiente e a luz vem inundando a sala e as pessoas. O altar é a parte mais iluminada. O shala vai escurecendo quanto mais perto se está do fundo, que é onde todos vão se movendo para as posturas finais nos dias de Mysore. Shavasana é feita na parte mais escura do shala. A interação da iluminação com o andamento e dinâmica da prática geram um efeito bastante profundo e esta foi uma das coisas que mais me impressionaram durante a minha primeira visita ao Brooklyn Yoga Club.

O BKYC foi inaugurado em janeiro de 2016, após um evento que fez com que Eddie Stern e sua esposa Jocelyne deixassem o Soho. O clube tem três andares. No subsolo, onde a foto acima foi tirada, o shala. O andar de cima conta com uma biblioteca, um café e um deck ao ar livre. Este é um espaço para a colaboração, debate, estudo e conexão com a comunidade e amigos. Lá são servidos chai caseiro, elixires e snacks. Ao final da prática, o Eddie e a Jocelyne sobem para interagir com os alunos. Tem também uma lojinha com camisetas e artigos de Mysore. Já o andar acima desse tem uma cozinha, onde são ministrados cursos de culinária e há um Bed and Breakfast (disponível no Air BnB — se você tiver sorte quando for visitar o Brooklyn Yoga Club, talvez consiga ficar lá com o Eddie!). Vale muito a viagem tanto para praticantes como para os donos de shala em busca de uma inspiração arquitetônica.

Além de uma prática Mysore, tive oportunidade de participar de uma aula guiada com o shala bastante cheio (umas 50 pessoas) no domingo de manhã. Segundo o Eddie, essa é a sua aula preferida e a prática foi de fato bastante divertida. Gravei um bate papo com ele sobre aspectos da vida como yogi e algumas implicações disso no mundo que vivemos hoje de mais amor aos objetos que às pessoas. Vamos publicá-lo aqui nas próximas semanas.

 

 

 

 

Share on FacebookShare on Google+Tweet about this on TwitterShare on LinkedIn

1 thought on “Eddie Stern e o Brooklyn Yoga Club

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *